Poluição atinge 90% da humanidade, diz OMS

Poluição democratizada

Nove em cada dez pessoas em todo o mundo respiram ar poluído, de acordo com um alerta emitido pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Os níveis de poluição no ar, segundo a entidade, permanecem perigosamente altos em diversas partes do mundo.

As estimativas indicam que 7 milhões de pessoas morrem todos os anos em razão da exposição a partículas presentes no ar poluído e que comprometem pulmões e sistema cardiovascular, provocando doenças como derrame, câncer de pulmão e infecções respiratórias.

"A poluição do ar ameaça todos nós, mas as pessoas mais pobres e marginalizadas suportam o fardo mais pesado", disse o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus.

De acordo com a entidade, cerca de 3 bilhões de pessoas - mais de 40% da população global - ainda não têm acesso a combustíveis limpos e tecnologias que mantenham o ar puro dentro de suas próprias casas.

"É inaceitável que mais de 3 bilhões de pessoas - a maioria mulheres e crianças - ainda respirem fumaça mortal causada pelo uso de fogões e combustíveis poluidores em suas casas.

"Se não tomarmos medidas urgentes, nunca chegaremos perto de alcançar o desenvolvimento sustentável", concluiu o diretor-geral da OMS.


Ver mais notícias sobre os temas:

Poluição

Sistema Respiratório

Prevenção

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2018 www.diariodasaude.com.br. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.